Especialista diz que tremores na Bahia devem continuar nos próximos dias Cidades do Recôncavo e Baixo Sul registraram relatos de tremores neste domingo

A região do Recôncavo Baiano tem registrado desde ontem tremores de terra que se seguiram na madrugada de hoje. Após os abalos sísmicos chegarem a 4,6 na escala Richter na manhã de ontem, hoje os tremores foram mais fracos, mas devem continuar pelos próximos dias segundo Aderson Nogueira, coordenador do Laboratório Sismológico da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).

“Tivemos um terremoto inicialmente de 4,6, e se você tem um terremoto de magnitude 4 é esperado que você tenha pelo menos 10 eventos de magnitude 3, e 100 eventos de magnitude 2. Então a sismicidade deve continuar nessa área e o que a gente sentiu essa madrugada, que a gente registrou, é réplica do que está acontecendo”, afirmou Nogueira em entrevista à GloboNews.

Na manhã de ontem, tremores de terra foram sentidos em cidades do Recôncavo Baiano e no sul do estado e chegaram a assustar moradores, principalmente da cidade Mutuípe, localizada a cerca de 250 km de Salvador. De acordo com informações do Laboratório Sismológico da UFRN, medições internacionais registraram o tremor mais forte, de 4,6 na escala Richter, às 7h44.

Já o abalo sísmico de hoje ocorreu às 3h42 e teve magnitude preliminar de 3,5. Segundo o órgão da UFRN, o tremor foi sentido principalmente na cidade de Amargosa (BA), além de municípios próximos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *